Nesse espaço especial quero dividir minha paixão por papel e pela Disney.
Eu, que já viajei tanto na Silhouette, hoje corto papel com tesoura e bisturi, redescobrindo o prazer dos pequenos detalhes.
Papel me inspira desde criança, me faz viajar...
Amo todos, desde aquele baratinho de embrulhar peixe na feira até os mais requintados e caros, cheios de texturas e cores.
Cada post será uma viagem pelas minhas experiências (boas e ruins, porque nem todo dia o céu está azul..) da ideia até a foto final (nem sempre com o resultado planejado) na criação de um projeto.
Quero mostrar compartilhar as novidades, lançamentos, truques e técnicas para que todos viajem comigo explorando as infinitas possibilidades desse mundo mágico.
Todos são muito bem vindos nessa viagem!

quarta-feira, 25 de abril de 2012

Organização do Scrap Room

Olá Silhouetteiras!
Bem vindas a bordo para mais um voo.
O tema do post de hoje é um dos meus preferidos: organização do Scrap Room.

Chame do que quiser: scrap room, scrap-canto, scrap-armário, scrap-cantinho-da-mesa-de-jantar...
Seja onde for seu espaço, tenha ele o tamanho que tiver, você vai precisar se organizar.
Organização é essencial porque essa é uma atividade que envolve muitos tipos diferentes de material e sem organização você vai se perder, vai esquecer do que tem e não vai usar.
Além disso, sem organização a criatividade não flui, o desperdício de material aumenta (e dói no bolso) e você vai perder um tempão (sempre tão escasso) procurando aquele adesivo que ficaria perfeito no seu layout.
Cada uma tem que encontrar as soluções que se encaixam na sua necessidade, na sua disponibilidade de espaço, na quantidade e variedade de material que têm (e que vai sempre crescendo) e no bolso.
A gente vê na internet e nas revistas importadas aqueles móveis maravilhosos, feitos sob medida e que transformam os ateliers em ambientes dignos de revistas de decoração.
Lindos, né? Mas mega fora da nossa realidade.
A maioria de nós só tem uma parte do guarda roupas ou do armário da sala para guardar seu material e quanto menor for o espaço, maior a importância da organização.
Como o papel é meu trabalho, tenho uma espaço relativamente grande na minha casa reservado para ele e para todo o arsenal envolvido.
Vou mostrar para vocês as minhas soluções e espero que elas sirvam de inspiração.
O melhor caminho que encontrei foram as caixas plásticas.
Elas são baratas, transparentes (me permitem ver o que tem lá dentro) e empilháveis.
Para facilitar ainda mais, coloco etiquetas pelo lado de fora.



Para guardar miudezas coloco vidrinhos dentro das caixas, separando por cor.


Ilhoses e Bailarinas ficam em caixinhas com divisórias, também separados por cor.


Para guardar linhas de bordar e enceradas (usadas para encadernação), uso grades de luminária (recuperada do lixo da obra de reforma de um banco)  presas na parede.
As prateleiras de vidro sobre a bancada de trabalho ampliam a área útil  (verticalização é o segredo de criar espaço) e mantêm os produtos de uso mais frequente bem à mão.
Tesouras, réguas e pincéis ficam em escorredores plásticos de talheres. Baratinhos e super funcionais.


As ferramentas de uso frequente (estiletes, agulhão, borrachas, martelinho, ferramentas de ilhós, palitos, etc) "moram" em um organizador comum de escritório, que fica em cima da minha mesa.



Cardstock, bases de corte da máquina, blocos de papel e recortes não usados também têm seu lugar.
Abaixo do tampo da mesa fica preso um pedaço de tubo de PVC onde guardo o aquecedor de emboss. É fácil de pegar e me mantém segura da ponta super quente depois do uso.
A gaveta aramada também fica abaixo do tampo, guardando papéis de rascunho:



Adorei receber vocês aqui no atelier e espero que minhas dicas tenham ajudado.
Venham sempre que quiserem.

Beijo e até a próxima.

Karin

4 comentários:

  1. Acho chique ter ido nesse playground pessoalmente *-*
    Confesso a todas as visitantes, é fascinante!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Venha sempre que quiser, JJ, adoro sua companhia!

      Excluir
  2. Oiii Karin!! Está tudo tãoooo organizadinho... lindo! Um dia quando acabar nossas vidas de estudante (hahahaha... difícil) quero um lugar para fazer scrap! Agora vivo em um stdudio e as minhas maquininhas ficam onde houver espaço... nem falo do resto...!

    Beijão,
    Mi

    ResponderExcluir